5 dicas para pagar as contas de inicio de ano sem passar aperto - Blog da ATIVA 5 dicas para pagar as contas de inicio de ano sem passar aperto - Blog da ATIVA
Educação Financeira

5 dicas para pagar as contas de início de ano sem passar aperto

No final do ano, junto de festas e comemorações, aparecem também novos gastos, tributações e contas. Não é de hoje que esse período pode ser complicado para as famílias, além de ser impossível não citar a situação da economia brasileira. A crise fez com que os brasileiros adquirissem mais dívidas, cortassem despesas e investissem menos.

Em função disso, a organização é fundamental para pagar as contas e evitar maiores problemas no ano, sabendo investir e usar suas reservas da melhor maneira.

Continue a leitura do artigo para descobrir dicas de controle e de planejamento financeiro para o início de ano!

1. Prepare-se

Impostos como IPTU e IPVA, contas escolares, taxas de licenciamento e Seguro Obrigatório já são conhecidos dos contribuintes e são gastos anuais que pesam no orçamento. É imprescindível que todos esses gastos estejam anotados e que o consumidor esteja ciente do valor de cada um para ajustar o orçamento e, se preciso, usar suas reservas para quitá-los.

IPTU e IPVA são obrigações tributárias sobre propriedades e imóveis em âmbito municipal e sobre propriedade de veículos em âmbito estadual, respectivamente. Ambos contam com descontos para pagamento à vista e condições de parcelamento para pagamento a prazo. O IPTU oferece maiores descontos e menores taxas em relação ao IPVA, mas o ideal é que os dois sejam quitados em uma parcela e com o devido desconto.

Ainda, existem aplicativos, planilhas e plataformas que ajudam a organizar gastos, prever e acompanhar despesas. Eles podem ser muito úteis no dia a dia e permitem um controle maior dos gastos prioritários e, também, do que você pode economizar e investir no final do mês.

2. Evite parcelamentos e pague à vista

É muito comum que os órgãos ofereçam condições de pagamento que possibilitam o parcelamento em diversas vezes. Entretanto, isso não é indicado, uma vez que existem bons descontos no pagamento à vista, que superam alguns rendimentos, por exemplo.

Lembrando que os juros e multas, caso alguma parcela não for paga, são muito altos. Além disso, compras à vista podem significar maiores chances de descontos por parte dos vendedores e lojistas, garantindo uma boa economia.

Para quem não tem condição de pagar à vista ou não quer ficar tão apertado, pagamentos a prazo devem ser feitos em até seis parcelas, segundo especialistas do ramo, e é fundamental ficar atento ao vencimento de cada parcela para não correr o risco de pagar juros mensais e perder o controle das finanças.

3. Fuja dos empréstimos

Se você não tem recursos suficientes para quitar uma dívida, a melhor opção é não pegar um empréstimo. Geralmente, as taxas são muito altas e o valor final que você pagará será bem maior que o valor inicial da dívida.

Empréstimos só são uma alternativa viável em caso de substituição de uma dívida maior por uma menor e, consequentemente, mais barata.

4. Avalie gastos

Priorize o acerto de serviços básicos, tais como: água, luz, condomínio e aluguel. Assim, os gastos essenciais são logo liquidados e é possível avaliar quais outros gastos podem ser cortados ou acrescentados.

Outra dica valiosa é ter em mente novas possibilidades para gastar menos e aproveitar mais sua renda. Por exemplo, na hora de comprar materiais escolares, avalie realmente o que será necessário e o que não pode ser reaproveitado, além de procurar as melhores condições em lojas variadas.

Aproveite compras em grupo também, já que a tendência é que produtos vendidos em maior quantidade tenham preços mais camaradas.

5. Preocupe-se o ano todo

As dicas listadas são válidas não só para o período de final e de começo de ano. O consumidor pode tomar medidas práticas durante o ano todo para evitar situações complicadas em dezembro e janeiro.

Considere sua situação financeira com cautela. Faça um planejamento financeiro, pondere seus gastos mensais, suas ambições e objetivos, tenha uma reserva para despesas inesperadas e, ainda, avalie possibilidades de investimento.

Gaste com consciência e prepare-se para finalizar o ano e pagar as contas com sucesso. E aí? Aprendeu com nossas dicas? Ficou com alguma dúvida? Conta pra gente nos comentários.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn10

ASSINE A NOSSA NEWSLETTER!

Gostou do conteúdo? Assine a nossa news receba no seu e-mail e-books, palestras, dicas e artigos ;)

Você se inscreveu com sucesso! Cheque seu e-mail :D

ATIVA Investimentos
A ATIVA Investimentos é uma corretora com mais de 30 anos no mercado financeiro que sempre souber ver além oferecendo as melhores opções de investimentos para os seus clientes. Nossos Produtos: Renda Fixa, Fundos de Investimentos premiados, Tesouro Direto, Previdência Privada, Seguro de Vida resgatável, Câmbio de moedas, Ações e entre outros.
Você deve gostar também
IGPs: entenda o que são índices gerais de preço
5 dicas para realizar uma viagem barata em família
Como definir prioridades financeiras corretamente?

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web

ASSINE E RECEBA DICAS SOBRE RENDA FIXA E OUTROS INVESTIMENTOS

ASSINE E RECEBA DICAS SOBRE RENDA FIXA E OUTROS INVESTIMENTOS

Procurando dicas e materiais sobre Renda Fixa? Assine a nossa newsletter e receba tudo no seu e-mail. 

Recebemos a sua assinatura!