Como investir em fundos imobiliários em 3 passos | Blog ATIVA
Educação Financeira

Como começar a investir em fundos imobiliários em 3 passos

Você já percebeu que muitos investidores vêm optando por aplicar seu dinheiro em fundos imobiliários, mas não consegue entender essa preferência? Na verdade, não tem mistério. Essa escolha ocorre por ser possível investir um valor mais baixo, referente a uma cota, e mesmo assim obter diversas vantagens! Ficou interessado e quer saber como começar a investir em fundos imobiliários? Reunimos neste post informações valiosas e vamos tirar todas as suas dúvidas. Acompanhe agora mesmo!

O que realmente são os fundos imobiliários?

Os fundos imobiliários são alternativas que ajudam a diversificar sua carteira de investimentos e, ao mesmo tempo, ajudam a melhorar a alocação de seus ativos. No entanto, como o próprio nome já indica, esse tipo de aplicação se restringe a empreendimentos imobiliários. É possível, portanto, comprar cotas de edifícios comerciais, shopping centers e similares. Apesar dos riscos existentes (menores que de tantos outros investimentos, uma vez que o investidor adquire quantas cotas quiser, ainda podendo investir em outros ativos), esses fundos tendem a oferecer um bom rendimento. A liquidação dos fundos imobiliários se dá no prazo de três dias úteis.

Vale adiantar que um dos grandes atrativos para os investidores é que os fundos imobiliários não sofrem incidência do Imposto de Renda (IR). Na realidade, existe o pagamento de imposto apenas em casos de valorização da cota negociada na bolsa de valores, sendo tal pagamento feito no mês posterior à venda do ativo.

Há diferentes categorias para esses fundos?

Existem seis tipos de investimentos diferentes que se encaixam na categoria de fundos imobiliários. São eles:

  • Fundos de desenvolvimento imobiliário: o investimento é voltado para a construção de imóveis;

  • Fundos de renda de galpões industriais e lajes corporativas: o investimento é voltado para imóveis prontos, com sua locação se tornando a renda do investidor;

  • Fundos de renda de shoppings centers: o investimento é voltado para shoppings centers, com a locação das lojas se transformando na renda do investidor;

  • Fundos de compra e venda de imóveis: a rentabilidade é a compra e a venda dos imóveis;

  • Fundos de fundos: o investimento do fundo é feito em contas de fundos imobiliários cujo potencial de rendimento é alto;

  • Fundos de recebíveis imobiliários: o investimento é voltado para a aquisição de direitos de recebimento de créditos de Certificados de Recebíveis Imobiliários, que podem ser usados para compra ou construção de empreendimentos.

Quais as vantagens dos fundos imobiliários?

Apostar em fundos imobiliários pode trazer diversas vantagens aos investidores. Primeiramente, devemos destacar que o fundo possui um gestor profissional com expertise para cuidar do investimento, aumentando assim a possibilidade de haver um bom retorno. Além disso, os fundos imobiliários podem ser facilmente negociados na bolsa de valores. No entanto, existem outras vantagens dos fundos imobiliários. Confira a seguir:

Facilidade

O investimento em imóveis costuma ser considerado uma ótima opção por diversos investidores. No entanto, a aquisição de bens desse porte pode demorar até alguns meses por toda a burocracia envolvida. Já com os fundos imobiliários,você pode comprar uma cota sem sair de casa.

Além disso, quem investe em fundos imobiliários tem outros benefícios, especialmente em relação aos gastos, já que não há taxas de certidões, cobrança de Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI), cópias relativas a documentos, escritura, reconhecimentos de firma, registro e assim por diante.

Investimento

Enquanto para comprar um imóvel normalmente é preciso investir um valor bastante alto, para adquirir uma cota, o investimento obviamente é muito menor. Assim, se um apartamento custa 250 mil reais, por exemplo, uma cota pode ser adquirida por mil.

Locação

No caso dos fundos imobiliários que preveem a locação, a maior vantagem é que os locatários geralmente são grandes empresas. Nesses casos, a tendência é ter o pagamento do aluguel sempre em dia, configurando uma segurança extra ao investidor.

Rentabilidade

De fato, por mais que absolutamente nenhum investimento possua risco zero, a rentabilidade dos fundos imobiliários tende a ser mais alta. Além de não incidir a cobrança de Imposto de Renda, o retorno costuma girar em torno de 0,7% ao mês.

E como investir nos fundos imobiliários?

Para investir em fundos imobiliários, alguns passos devem ser seguidos. Anote aí e se prepare para aprender muito mais!

Cadastro na ATIVA Investimentos

A primeira etapa para começar a investir em fundos imobiliários é entrar em contato com a ATIVA Investimentos e se cadastrar. Com atendimento personalizado e muita transparência, os corretores poderão sanar todas as suas dúvidas e mostrar exatamente como será feita a negociação na bolsa de valores ou no mercado de balcão.

Escolha do fundo de investimento

Ao conversar com um profissional gabaritado, com visão ampla do mercado, será possível escolher o fundo de investimento mais adequado para seu perfil, suas condições e expectativas. Os corretores da ATIVA Investimentos poderão indicar a melhor opção, analisando o histórico de rentabilidade do fundo imobiliário e dos imóveis que compõem a carteira. Também verificam o valor obtido com os aluguéis dos diversos imóveis e dividem pelo montante das cotas do fundo, verificando o resultado. Se o retorno for maior que o da poupança e de outros investimentos de renda fixa, é uma boa opção.

Envio da ordem para a ATIVA Investimentos

A solicitação de compra pode ser feita por meio do Home Broker, sistema que permite a compra e a venda de cotas dos fundos imobiliários e ações pela internet. Para investir por Home Broker, é preciso ter em mãos apenas o código de fundo, saber quantas cotas deseja adquirir e que valor pretende pagar em cada cota. Assim, havendo alguém interessado nessas condições ofertadas, é possível fechar o negócio.

Assim, investir em fundos imobiliários é uma boa opção para quem busca grandes possibilidades de retorno, mas que quer fazer um investimento baixo para poder diversificar sua carteira de investimentos. Nesse sentido, é importante destacar que ter a consultoria da ATIVA Investimentos é mais que necessário para garantir a obtenção de melhores chances de retorno.

Agora que você tirou todas as suas dúvidas, não se esqueça de entrar em contato com a ATIVA Investimentos. Com mais de 32 anos de experiência no mercado, mantemos o nosso foco na satisfação dos nossos clientes. Não deixe de entrar em contato conosco!

Share on Facebook135Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn22
Você deve gostar também
Renda Variável: quais foram as aplicações de maior sucesso em 2016?
Passo a passo: entenda como começar a investir em ações online
Como posso investir o pouco que tenho?
2 Comentários
  • Thayla
    17 17America/Sao_Paulo setembro 17America/Sao_Paulo 2017 em 00:28
    Responder

    Olá
    Qual o valor minima para esse tipo de investimento? Pois quero começar com um investimento baixo pare ter uma noção de com funciona.

    • ATIVA Investimentos
      18 18America/Sao_Paulo setembro 18America/Sao_Paulo 2017 em 10:54
      Responder

      Oi, Thayla! A partir de R$ 1mil você já consegue começar a investir.

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web