Entenda por que você deve tirar o dinheiro da poupança | Blog ATIVA Entenda por que você deve tirar o dinheiro da poupança | Blog ATIVA
Investimentos

Entenda por que você deve tirar o dinheiro da poupança agora

Na hora de economizar, muitos brasileiros optam pela poupança por sua tradição, conveniência e segurança. No entanto, essa não é a melhor opção para alcançar bons rendimentos. Depositar todas as suas economias na caderneta pode significar perder dinheiro, pois o rendimento mal consegue bater a inflação: os preços estão mais altos do que o que você receberá pelos seus investimentos.

Além disso, os riscos que você corre deixando qualquer quantia na poupança são os mesmos de outros investimentos em renda fixa. A diferença é que, na caderneta, o rendimento é significativamente menor do que em outras aplicações como CDBs (Certificado de Depósito Bancário), LCIs (Letras de Crédito Imobiliário), LCAs (Letras de Crédito Agropecuário) etc.

Veja por que você deve tirar o dinheiro da poupança agora:

Garantias

Um dos pontos que os entusiastas da poupança defendem é que o investimento na caderneta é garantido pelo Governo e, por isso, seria mais seguro do que as outras opções do mercado.

No entanto, quem oferece garantias para a poupança é o Fundo Garantidor de Crédito (FGC), mesma instituição que garante investimentos em renda fixa, como CDBs, LCIs e LCAs. Ou seja, pela regra, o FGC cobre até R$ 250 mil por CPF caso a instituição financeira quebre, independentemente do dinheiro estar na poupança ou em qualquer uma das aplicações em renda fixa citadas acima, sem diferenciação alguma.

Rendimentos

Se as garantias são as mesmas para a poupança e algumas aplicações de renda fixa, o mesmo não pode se dizer dos rendimentos, em que a caderneta perde feio. Segundo a regra atual, a poupança rende 0,5% ao mês + taxa referencial e não é negociável. Ou seja, os rendimentos da caderneta não acompanham a alta dos juros (SELIC), que atualmente está em 14,25% ao ano. Para quem quer potencializar os rendimentos, vale mais a pena investir em títulos do Tesouro Direto ou outras aplicações que acompanham a taxa de juros do país.

Alternativas

Deixar o dinheiro na poupança não é uma boa ideia, mas a pergunta que não quer calar é: quais são as alternativas? A boa notícia é que são várias as opções no mercado. Confira:

LCI 

Instrumento de renda fixa que representa fonte de recursos para o setor imobiliário. Entre as vantagens estão o baixo risco, isenção de IR e IOF para pessoa física e Garantia do Fundo Garantidor de Crédito – FGC R$ 250mil por CPF por Instituição Financeira. 

LCA

Similares às LCIs, as LCAs são fonte de recursos para o agronegócio e têm como lastro o financiamento agrícola. Também possuem isenção de IR e IOF e Garantia do Fundo Garantidor de Crédito – FGC R$ 250 mil por CPF por Instituição Financeira.

CDB

O CDB é emitido por bancos e repassado para pessoas físicas como forma de captar recursos para financiar suas atividades. Sua rentabilidade pode ser pré ou pós-fixada e, após o período de carência, a liquidez pode ser diária. IR e IOF de acordo com a Tabela Regressiva.

LC

Instrumento de captação específico das sociedades de crédito, tem como lastro transações comerciais.

Títulos Públicos Federais

Os títulos públicos são ativos de renda fixa que possuem a finalidade de captar recursos para o financiamento da dívida pública e financiar atividades do Governo Federal, como educação, saúde e infra-estrutura. Você pode comprar papéis do Tesouro Nacional e em troca, o governo federal paga juros.

Fundos de investimento

Um fundo de investimento é um condomínio que reúne recursos de um conjunto de investidores, com o objetivo de obter ganhos financeiros a partir da aquisição de uma carteira de ativos, como ações, debêntures, opções, entre outros. Através dos fundos, os pequenos investidores têm acesso às melhores condições de mercado, menores custos e contam com gestão profissional, colocando-os em igualdade com os grandes investidores.

Já investiu na poupança ou fez outros investimentos? Como foi a sua experiência? Conta pra gente.

Share on Facebook0Share on Google+1Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn13

ASSINE A NOSSA NEWSLETTER!

Gostou do conteúdo? Assine a nossa news receba no seu e-mail e-books, palestras, dicas e artigos ;)

Você se inscreveu com sucesso! Cheque seu e-mail :D

ATIVA Investimentos
A ATIVA Investimentos é uma corretora com mais de 30 anos no mercado financeiro que sempre souber ver além oferecendo as melhores opções de investimentos para os seus clientes. Nossos Produtos: Renda Fixa, Fundos de Investimentos premiados, Tesouro Direto, Previdência Privada, Seguro de Vida resgatável, Câmbio de moedas, Ações e entre outros.
Você deve gostar também
13º salário: onde e como investir para garantir retorno?
Aprenda como investir na bolsa
LCI e LCA: como funciona a rentabilidade desses investimentos?
2 Comentários
  • Raphael Augusto Ananias
    21/08/2016 em 18:44
    Responder

    A página contem erros de português que denigrem a imagem da instituição.

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web

ASSINE E RECEBA DICAS SOBRE RENDA FIXA E OUTROS INVESTIMENTOS

ASSINE E RECEBA DICAS SOBRE RENDA FIXA E OUTROS INVESTIMENTOS

Procurando dicas e materiais sobre Renda Fixa? Assine a nossa newsletter e receba tudo no seu e-mail. 

Recebemos a sua assinatura!