Saiba o que significa o índice IGPM e como ele afeta a sua vida | Blog ATIVA Saiba o que significa o índice IGPM e como ele afeta a sua vida | Blog ATIVA
Investimentos

Saiba o que significa o índice IGPM e como ele afeta sua vida

Algumas pessoas não gostam de falar e ler sobre economia, pois não conseguem visualizar a aplicação prática dela em suas vidas. No entanto, é certo que alguns índices do mercado financeiro interferem diretamente em nosso cotidiano, como é o caso do índice IGPM (Índice Geral de Preços do Mercado).

Conhecer um pouco mais sobre esse indicador deveria ser uma prática de todo cidadão brasileiro, já que suas oscilações afetam do consumidor comum ao investidor. E foi pensando exatamente nisso que resolvemos produzir este conteúdo.

A partir de agora, vamos conceituar o índice IGPM e explicar como ele pode afetar a sua vida, seja ao consumir algum produto ou ao obter rendimentos no mercado financeiro. Ficou curioso? Continue lendo!

De início, o que é o índice IGPM?

O Índice Geral de Preços do Mercado é um indicador de grande relevância, principalmente nos dias atuais. Em resumo, estamos falando de um índice calculado mensalmente pela FGV (Fundação Getúlio Vargas) para indicar a inflação do período. Ou seja, ele serve para mostrar como os preços oscilaram durante o mês.

Quais fatores contribuem para as alterações nesse índice?

Conforme dito, o IGPM mede a inflação em um determinado mês. Sendo assim, existem alguns fatores que contribuem para seu aumento ou redução.

Entre o dia 20 de determinado mês e até o próximo dia 20, é feita a coleta de preços em todo o país e nos diversos setores da economia como:

  • indústria;
  • agricultura;
  • construção civil;
  • serviços;
  • comércio varejista.

Assim, itens de nosso cotidiano como alimentação, transporte, educação e vestuário são monitorados de perto. Isso porque, quanto mais esses valores sobem, maior é o índice IGPM..

Como ele afeta o nosso cotidiano?

Só pela leitura, você já deve ter percebido que esse é um índice que reflete muito da nossa realidade financeira. Mas, como ele afeta, de fato, nosso cotidiano?

Investimentos sem proteção contra inflação

Para quem aposta em um investimento sem proteção contra a desvalorização da moeda, um índice IGPM alto significa que seu dinheiro está valendo menos, já que os rendimentos não são corrigidos com base na inflação.

Assim, por exemplo, se você conseguiu um rendimento de 10% a.a., mas o IGMP anual ficou em 7,17%, sem descontar as taxas e impostos, seu rendimento real foi de apenas 2,83%. Ou seja, uma queda brusca e considerável em relação ao que você deveria ganhar.

Para ter uma ideia do quanto isso pode afetar suas aplicações, veja como o índice se comportou nos últimos 4 anos:

  • 2013 – 5,53%
  • 2014 – 3,67%
  • 2015 – 10,54%
  • 2016 – 7,17%

Desse modo, é possível concluir que para se ter sucesso ao investir, é imprescindível acompanhar com atenção esse indicador, pois ele pode afetar sobremaneira seus rendimentos, a ponto de trazer bastante prejuízos a longo prazo.

Reajustes de Aluguel

O IGPM também é muito importante na vida daqueles que possuem um contrato de aluguel ativo. Isso pelo fato de que ele é o índice referência para os reajustes anuais.

Os proprietários se baseiam no IGPM do ano anterior para o cálculo do novo valor do aluguel. Dessa maneira, se você pagava, em 2016, R$ 1.500, deverá arcar com um reajuste de 7,17% — IGPM de 2017 —, chegando ao novo valor de R$ 1607,55.

Aumentos na conta de energia elétrica

A conta de energia elétrica que pagamos mensalmente também é reajustada com base no IGPM,  segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica  (ANEEL).

Assim sendo, podemos perceber que há mais de uma aplicação prática em nosso dia a dia para o IGPM; ele é capaz de afetar significativamente nossas despesas mensais. O seu aumento reflete diretamente em nosso bolso.

A boa notícia para consumidores e investidores é que a previsão para 2017 é de queda para o índice. Portanto, agora que você entendeu a relevância desse indicador, não deixe de estudar e acompanhar de perto suas variações e, assim, se manter informado sobre as projeções para seus investimentos e gastos mensais.

Achou o conteúdo relevante? Então, compartilhe-o em suas redes sociais e ajude seus amigos a se informarem um pouco mais sobre o índice IGPM e sua importância prática!

Share on Facebook0Share on Google+1Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn9

ASSINE A NOSSA NEWSLETTER!

Gostou do conteúdo? Assine a nossa news receba no seu e-mail e-books, palestras, dicas e artigos ;)

Você se inscreveu com sucesso! Cheque seu e-mail :D

ATIVA Investimentos
A ATIVA Investimentos é uma corretora com mais de 30 anos no mercado financeiro que sempre souber ver além oferecendo as melhores opções de investimentos para os seus clientes. Nossos Produtos: Renda Fixa, Fundos de Investimentos premiados, Tesouro Direto, Previdência Privada, Seguro de Vida resgatável, Câmbio de moedas, Ações e entre outros.
Você deve gostar também
Fundos de investimento: como funcionam e quais são os principais tipos
As 4 principais dúvidas sobre Previdência Privada
Investimento Seguro e Rentável: é possível ter os dois benefícios?

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web

ASSINE E RECEBA DICAS SOBRE RENDA FIXA E OUTROS INVESTIMENTOS

ASSINE E RECEBA DICAS SOBRE RENDA FIXA E OUTROS INVESTIMENTOS

Procurando dicas e materiais sobre Renda Fixa? Assine a nossa newsletter e receba tudo no seu e-mail. 

Recebemos a sua assinatura!