Saiba se vale a pena sacar o seu FGTS de contas inativas | Blog ATIVA
Investimentos

Saiba se vale a pena sacar o seu FGTS de contas inativas

Você já deve ter ouvido falar que os rendimentos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) não são dos melhores. Eles ficam abaixo, inclusive, de indicadores importantes como a taxa de inflação e a poupança. 

Por exemplo, quem tinha R$ 1 mil aplicados no FGTS em janeiro de 2016 terminou o ano com R$ 1.050,10. Se tivesse deixado este mesmo valor na poupança, teria acumulado R$ 1.083. Já se tivesse aplicado no Ibovespa, índice de ações da bolsa paulista, o mesmo dinheiro teria se convertido em R$ 1.389,39. O que comprova que, de fato, vale a pena sacar o dinheiro que está lá parado, usando-o de maneira mais inteligente e proveitosa.

Mas, diante de tantas ofertas de como usar o dinheiro do saque das contas inativas, é importante tomar alguns cuidados para não gastar demais ou escolher um investimento ruim. Confira abaixo algumas dicas para tirar o melhor proveito desse dinheiro extra:

 

1 – Pague Dívidas

Quem estiver com contas atrasadas deve ser certeiro e usar o valor para quitar dívidas. Mas, com o dinheiro em mãos, deve-se negociar com o credor para reduzir os juros. Para ele é vantagem receber tudo de uma só vez. Se não puder pagar todas, priorize as de serviços básicos (água, luz e telefone) e as de juros altos (cartão de crédito e cheque especial).

 

2 – Invista de acordo com o valor que vai receber

Para valores de até R$ 3 mil as opções podem ser:

– Títulos do tesouro pagam mais do que a poupança. E na ATIVA, zeramos a taxa de administração.

 

Entre R$ 3 mil e R$ 5 mil:

– Os títulos do Tesouro continuam sendo interessantes, mas também começam a surgir rendimentos mais altos para CDBs e Letras de Crédito (LCIs) e (LCAs). Ah, temos oportunidades de LCI e LCA por R$1 mil, dependendo sempre se tem lastro disponível.

 

Acima de R$ 5 mil:

– Os fundos DI passam a oferecer rendimento um pouco mais atraente a partir dessa faixa de aplicação.

– Os Títulos do Tesouro continuam sendo interessantes, em particular atrelados à inflação (que pagam um bônus adicional ao IPCA).

 

3 – Compre à vista

Caso tenha decidido usar o dinheiro das contas inativas para consumo, faça uma ampla pesquisa. E tenha em mente que é importante negociar bastante e pagar à vista para conseguir vantagens financeiras.

Caso você tenha ainda alguma dúvida sobre esse tema, deixe o seu comentário.

Você sabia, por exemplo, que o seu dinheiro parado no FGTS rendeu 5,07% em 2016? Se você tivesse investido no Tesouro Direto, seu dinheiro teria rendido 34,12% ao ano. Saiba como fazer o seu FGTS render, clique aqui.

 

Share on Facebook36Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn1
Você deve gostar também
Política internacional: como a eleição de Trump afeta nossa economia?
ETF: entenda o que é e como investir
Bolsa de valores: quais são os setores mais aquecidos em 2017?

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web