• Pesquisar

Como abrir uma conta na Ativa Investimentos: prático e seguro

Abrir uma conta em uma corretora de valores como a Ativa Investimentos é o primeiro passo para o sucesso financeiro

Na nossa plataforma, é possível verificar diversas opções de investimentos mais rentáveis e tão seguros quanto os dos bancos tradicionais que você está acostumado. 

A diferença está na oferta de opções. Enquanto os bancos comercializam apenas os produtos da própria instituição, a Ativa Investimentos é especialista no assunto

Em resumo, o caminho para começar a investir é bem simples:

  1. abrir uma conta grátis;
  2. transferir o dinheiro via TED para sua própria conta na Ativa;
  3. escolher os melhores investimentos de acordo com seu perfil.

A seguir, você verá em detalhes como abrir a sua conta de forma gratuita. Todo o processo é uma exigência dos órgãos reguladores, como Banco Central, CVM (Comissão de Valores Mobiliários) e a própria B3 (Bolsa de Valores). Assim, a sua proteção está garantida. Continue a leitura!

4 passos para abrir uma conta na Ativa Investimentos

Passo nº 1: abra sua conta

Para abrir sua conta, clique aqui e preencha os dados iniciais: nome completo e e-mail de contato.

Passo nº 2: definindo seu perfil de investidor

Logo no início do cadastro, o cliente conversa com o Nuno, o nosso assistente virtual. Ele irá determinar seu perfil de investidor que pode ser três:

  • conservador;
  • moderado;
  • ou agressivo.

Toda instituição financeira solicita esses dados para definir quais investimentos poderão ser oferecidos para você. O objetivo é proteger o cliente de riscos não condizentes com a sua experiência, conhecimento do mercado ou apetite ao risco.

Conservador

O investidor com perfil conservador busca a preservação do capital com baixa tolerância a riscos. No entanto, ele também pode se mostrar disposto a ousar para obter retornos diferenciados. 

Moderado

O perfil moderado de investimento se caracteriza pela disposição a correr algum risco em busca de retorno diferenciado em médio prazo. Geralmente, esse tipo de investidor tem baixa necessidade de liquidez e se mostra disposto a diversificar suas aplicações em investimentos arrojados. 

Agressivo

Por fim, o investidor de perfil agressivo tem alta tolerância a riscos e baixa ou nenhuma necessidade de liquidez em curto ou médio prazo. Também está disposto a aceitar as oscilações características dos mercados de risco. Além disso, aceita possíveis perdas de parte do capital investido na busca de retornos diferenciados em longo prazo.

Passo nº 3: preenchendo dados

Agora, o processo de cadastro que vem em seguida possui 5 etapas com blocos de perguntas diferentes. O cliente, por sua vez, pode escolher qual dessas etapas ele quer preencher primeiro, sem uma ordem lógica. São elas:

Dados pessoais e complementares

Nesta área, você vai preencher as informações gerais como nome, contatos pessoais e documentos. Por isso, tenha em mãos o RG, CNH, título de eleitor ou RNE (caso seja estrangeiro). Os campos são: número, data de emissão, órgão emissor e estado emitente.

Em dados complementares, será necessário informar profissão e endereço completo.

Dados financeiros

Já nos campos relativos a dados financeiros, solicitamos informações bancárias, patrimoniais e origens de recursos. Vale lembrar que todas as informações são exigidas pela CVM e Banco Central e não são utilizadas para IR (Imposto de Renda).

Uma curiosidade interessante é que os dados de renda, patrimônio e profissão têm uma finalidade importante. Eles são essenciais para a corretora prevenir ocorrências de lavagem de dinheiro. Todas as instituições financeiras têm um programa formal de Prevenção à Lavagem de Dinheiro, também chamado de PLD. Assim, eles monitoram as operações realizadas pelos seus clientes.

Declarações

Nesta etapa, o cliente deverá responder uma lista de perguntas em que deverá afirmar se “sim” ou “não”. É simples. 

Uma delas é se a pessoa é ou não investidor profissional, se opera por meio de gestor de carteiras ou se é um PEP. Essa é a sigla para Pessoas Politicamente Expostas, ou seja, alguém que ocupa ou ocupou cargos políticos relevantes nos últimos cinco anos. 

O sistema ainda pergunta se alguém que você tenha um relacionamento próximo (como um familiar) é um PEP.

Termo de adesão

Ao final do preenchimento, o investidor confirmará que concorda com os termos da corretora de valores.

Nesse momento, o sistema pode informar a necessidade de enviar uma documentação, como:

  • Documento de identificação (o mesmo escolhido no cadastro)
  • Comprovante de residência (emitido em, no máximo, 3 meses).

Dicas rápidas

  • Caso o endereço de correspondência seja diferente do endereço residencial, deve-se incluir uma segunda cópia;
  • Em caso de procuração cadastrada, enviar cópias dos documentos acima do respectivo procurador;
  • Se a conta bancária for conta conjunta, será necessário enviar um comprovante. Pode ser a foto dos dois cartões, uma folha de cheque ou um comprovante do gerente do banco.

Passo nº 4: finalizando o cadastro

Pronto! Agora já é possível começar a escolher os melhores investimentos de acordo com seu perfil.

Lembre-se: todas as informações solicitadas pela Ativa Investimentos para a abertura ou atualização de conta são uma exigência dos órgãos reguladores. Fique tranquilo, pois esses dados são sigilosos e estão protegidos por lei. Logo, o objetivo do processo de cadastro é te proteger e garantir um mercado mais ético.

Fique atento: o cadastro deve ser atualizado em um período máximo de 24 meses. A CVM e o Banco Central não permitem operações com cadastros desatualizados. Até o próximo tutorial!

Deixe seu comentário

Instagram has returned invalid data.