• Pesquisar

Glossário Financeiro: Letra P

O novo post do Glossário FInanceiro do Blog da Ativa Investimentos abordará os mais importantes termos iniciados com a letra P. Nosso objetivo, claro, é explicar aos leitores quais são as mais importantes nomenclaturas financeiras.

Afinal, sabemos que muita gente quer aprender a investir e aumentar o patrimônio por conta própria. No entanto, esbarram em um obstáculo: o conjunto de termos e conceitos pouco amigáveis constantemente utilizados na área.

Se após a leitura você ainda tiver dúvida sobre alguns dos termos ou quiser aprofundar ainda mais no entendimento dos conceitos, haverá sempre um especialista da nossa equipe de atendimento pronto para ajudar você. Vamos lá?

Patrimônio de Fundo de Investimentos

Equivale à soma das aplicações de todos os investidores de um Fundo, descontadas as despesas inerentes à administração do fundo e as taxas de administração e performance.

Patrimônio Líquido

É a diferença entre o valor dos ativos e dos passivos no patrimônio de um fundo ou empresa.

Perfil de Risco

Este termo com a letra P define qual é o grau de tolerância que um investidor tem ao risco. Ele pode ser conservador, moderado ou agressivo.

Período de Carência

É um período estipulado em contrato antes que o investidor possa solicitar o resgate da sua liquidação.

PGBL — Plano Gerador de Benefício Livre

É um dos tipos de Previdência Privada que existem. Caracteriza-se por permitir deduções da base de cálculo do IR até o limite de 12% da renda bruta e o tributo incide sobre total do valor acumulado.

A principal diferença do PGBL para o VGBL (outra modalidade) é a sua tributação. No primeiro caso, o IR incide sobre o total acumulado na Previdência Privada. No segundo, entretanto, a tributação se dá somente sobre o rendimento obtido.

PIB — Produto Interno Bruto

PIB é o montante de todos os bens e serviços produzidos em uma região durante determinado período (normalmente é anual). Seu objetivo é mensurar a atividade econômica (consumo, investimento, gastos públicos e exportações) e também o nível de riqueza daquela área.

Para investidores, no entanto, o PIB é importante pois ajuda a traduzir se as empresas locais estão com perspectiva de crescimento ou não, o que é essencial na hora de decidir onde investir.

Política de Investimento

Consiste em um conjunto de diretrizes que guiam a gestão de ativos de um fundo de investimentos.

Política Monetária

É o conjunto de ações tomadas pelo governo e autoridades monetárias (Banco Central) para controlar a circulação de moeda na economia. Alguns exemplos de instrumentos da política monetária são a taxa de juros básica determinada pelo Copom, o depósito compulsório de bancos e a emissão ou não de moedas novas.

Portabilidade

É a transferência de um investimento, crédito ou plano de Previdência Privada de um provedor para outro ou de um titular para outro.

Portador ou Titular

É quem assina um contrato de investimento, podendo ser um plano de Previdência Privada, um contrato de opções ou outro.

Portfólio

Trata-se do conjunto de aplicações realizadas por um investidor ou Fundo de Investimentos.

Pós-fixados

São as aplicações de Renda Fixa cujo rendimento é calculado com base em um indexador, podendo ser o CDI, a Taxa Selic, o IPCA ou outro índice econômico.

Poupança

Poupança é um tipo de conta bancária para acumulação de recursos, cujos depósitos são remunerados com base na Taxa Referencial.

Prazo de Subscrição

É o prazo delimitado no estatuto da empresa, por meio do qual os acionistas podem exercer o direito de subscrição de novas ações emitidas (a preferência de compra dos papéis para manter o mesmo porcentual de controle na companhia).

Preço (Cotação)

É o valor monetário a ser pago por um ativo em determinado momento. É definido pela oferta e demanda desse ativo.

Preço alvo

Trata-se do valor esperado que um analista projeta para determinada ação em um futuro próximo.

Preço de Exercício

Também chamado de Strike, é o preço determinado para o investidor exercer o direito estabelecido em um contrato de opções.

Pré-fixado

São as aplicações de Renda Fixa cujo rendimento é determinado antes de o investimento ser feito.

Pregão

Nome dado para a sessão diária de funcionamento da Bolsa de Valores.

Prêmio

É o preço que o comprador de um contrato de Opções paga ao vendedor para adquirir o investimento.

Previdência Complementar

É um regime público que permite ao trabalhador uma proteção previdenciária adicional em relação ao da Previdência Social.

Previdência Privada

É um plano de aposentadoria oferecido por bancos e seguradoras, em contraste com o regime público do INSS.

Previdência Privada Aberta

São planos de Previdência Privada disponíveis para qualquer pessoa física ou jurídica e gerenciados por instituições que buscam o lucro

Previdência Privada Fechada

São planos de Previdência Privada fechados para determinados grupos de pessoas. Normalmente são oferecidos para funcionários de uma empresa como pacote de benefícios.

Principal

Termo que descreve o valor de uma parcela de empréstimo ou título de Renda Fixa sem considerar os juros.

Private Equity

É um tipo de investimento em que o aporte de capital é feito diretamente em uma empresa em troca de parte do seu capital social.

Proventos

São os benefícios que uma empresa distribui aos seus acionistas (dividendos, bonificações etc.).

Put

Termo com a letra P em inglês que significa uma Opção de Venda.

Quanta coisa, não é mesmo? Esses são os principais termos do mercado financeiro com a letra P. Gostou do conteúdo? Então, acompanhe a Ativa Investimentos nas redes sociais e não perca nenhum conteúdo. Estamos no Facebook, Twitter, Instagram, LinkedIn e YouTube!

Powered by Rock Convert
Deixe seu comentário

Instagram has returned invalid data.