Entenda a alteração de cenário da inflação de bandeiras tarifárias

No Palavra do Especialista de hoje vamos expor uma nova alteração de cenário na Ativa investimentos, dessa vez no tocante à energia elétrica e suas implicações na inflação de 2021.

Especificamente, abordaremos as bandeiras tarifárias. O sistema foi criado para compensar a maior utilização de fontes mais caras de energia, aliviando o caixa das distribuidoras e, consequentemente, suavizando os reajustes anuais.

Em outras palavras, quando a fonte mais barata de energia (hídrica) passa por escassez são acionadas outras fontes, dentre elas as térmicas.

Boa parte do ano passado o acionamento das bandeiras foi suspenso, deixando as contas sem sobretaxa, mas onerando mais as distribuidoras, que por sua vez buscaram utilizar ao mínimo a fonte mais cara sem interrupção. Já em 2021, o período chuvoso (jan-mar), quando sazonalmente assistimos as bandeiras em patamar verde (sem sobretaxa), observamo-las em nível amarelo, denotando a necessidade de utilização de térmicas mesmo quando o regime hídrico é mais favorável.

Assim entramos no período seco, o que nos traz ao risco de a bandeira tarifária para maio, a ser determinada dia 30, ser vermelha 1, no segundo degrau de sobretaxa. Trata-se de uma antecipação de algo que também é sazonalmente visto. Tal antecipação se dá em decorrência de chuvas aquém do esperado, deixando os reservatórios, principalmente o CO-SE (carro chefe do Brasil), em patamares ainda mais baixos.

Evidentemente que a tentativa de redução dos custos observados em 2020 também contribuiu para chegarmos a estágio tão crítico no atual momento. Nesse ínterim há de se observar que as térmicas poderiam ter suavizado bem o ciclo das chuvas, permitindo que os níveis regressassem a níveis saudáveis e menos expostos às intempéries.

Assim, com a crescente chance de termos bandeira vermelha 1 já em maio, optamos por elevar nossa projeção do patamar amarelo para tal mês. Por mais que isso possa vir a não se concretizar, em decorrência do baixo nível dos reservatórios optamos também por elevar a projeção de final de ano no mesmo sentido do mês de maio, de amarela para vermelha 1.

Com isso nossa projeção de IPCA de 2021 passa de 4,9% para 5,1%.

Conte sempre com a Ativa Investimentos.

Powered by Rock Convert

Invista com a gente!

É prático, rápido, seguro e não tem custo. Você pode acessar sua conta de onde quiser e ainda ter vantagens exclusivas.

ABRA SUA CONTA
Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.