Fazer aportes mensais vale a pena? Entenda como eles funcionam

Fazer aportes mensais é uma estratégia crucial para investidores que desejam criar um patrimônio robusto a longo prazo.

Ao aplicá-la, será possível conquistar maximizar a rentabilidade dos seus investimentos e conquistar a independência financeira. Será com essa estratégia que os investidores poderão garantir uma vida de qualidade, bem como um futuro estável.

Apesar de ter foco no longo prazo, investidores de todos os perfis devem adotar essa tática para ter sucesso. Por isso preparamos este material especial que esclarece o que são aportes mensais, sua importância e a melhor forma de fazê-los.

O que são aportes mensais?

É uma fatia da sua renda destinada periodicamente para seus investimentos, sejam eles de Renda Fixa ou Variável.

O valor total normalmente é um percentual do salário, que pode ser fixo ou aproximado. Para caraterizá-lo, o relevante é que o aporte seja frequente, sendo que geralmente ele é feito mensalmente.

Qual é sua importância?

Ao fazer aportes mensais, o investidor consegue poupar e fazer seu patrimônio se expandir, bem como acelerar os juros compostos. Isso significa que o tamanho do patrimônio é multiplicado no longo prazo graças ao aporte mensal.

Outra relevância é o fato de que o investidor conseguirá aproveitar de mais oportunidades do mercado. Vamos supor que uma pessoa realizou todos os seus investimentos em apenas um mês. É possível que no próximo mês sujam oportunidades, mas ele não conseguirá aproveitar dela.

Como os aportes são feitos mensalmente, o investidor poderá alocar seus recursos da forma mais inteligente a cada mês. Depois de anos, ele terá uma carteira diversificada, com maior rentabilidade e dotada dos melhores investimentos que surgiram.

Como realizar aportes mensais?

Existem práticas específicas que precisam ser seguidas pelos investidores para que eles consigam fazer aportes com regularidade e eficiência.

Definir objetivos

A primeira medida é estabelecer os objetivos que serão atingidos com os investimentos. Eles podem ser conquistar a indepência financeira, ter uma aposentadoria de qualidade, fazer uma grande compra no futuro entre outros. Com essa dica, o investidor se tornará motivado a fazer os aportes e escolherá os investimentos adequados para atingi-los.

Planejar os aportes

Estude seu orçamento mensal para descobrir quando poderá ser destinado aos aportes. Geralmente valor fica em torno de 5% a 15% do salário, mas é importante que o montante definido não comprometa sua qualidade de vida.

É importante que você analise seus gastos e elimine os desnecessários ou excessos. Além disso, separe uma quantia para uma reserva de emergência, dinheiro que será usado para gastos extraordinários. Com isso, o investidor conseguirá fazer seus aportes mensais mesmo que ele tenha uma despesa inesperada.

Criar o hábito de aportar

Não basta apenas fazer o planejamento, o investidor deve manter a frequência dos aportes por anos, exigindo uma mudança de hábitos. Uma dica para construir esse hábito é fazer o aporte antes de pagar as contas ou fazer outros gastos. Depois de alguns meses, essa estratégia fará parte da rotina do investidor e ele conseguirá alcançar seus objetivos.

Efetuar os aportes mensais pode ser a prática que falta para muitos investidores potencializarem sua rentabilidade. No entanto, é necessário fazer uma estratégia, calcular os aportes adequadamente e, principalmente, ter o comprometimento de realizá-los conforme o planejado.

Assine a nossa newsletter para se manter informado sobre o tema e receber nossos materiais diretamente no seu e-mail.

Receba conteúdos exclusivos no seu e-mail

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.