VGBL x PGBL: entenda as diferenças entre eles!

Atualmente, não existem grandes dúvidas sobre a importância de abrir uma previdência privada. O que confunde as pessoas, no entanto, são as diferenças entre VGBL x PGBL.

Essas siglas descrevem os dois tipos de Previdência Privada existentes hoje no mercado. Cada uma é mais indicada para um tipo de investidor e tem regras específicas.

Para saber como planejar melhor a sua aposentadoria, é importante entender as diferenças entre Previdência VGBL x PGBL. Afinal, a escolha certa entre elas pode significar alguns milhares de reais a mais para investir.

Ficou curioso (a)? Então, siga com a leitura para saber mais sobre o assunto!

Vantagens da Previdência Privada

Apesar de ser evidente a necessidade de contratar um plano de Previdência Privada, nem todos apostam nessa estratégia.

Se você ainda não se decidiu sobre a importância de fazer esse investimento, veja alguns dos benefícios a seguir!

Diversificação de investimentos

Para entender as vantagens da Previdência Privada, precisamos compreender como ela funciona. Basicamente, o dinheiro do investidor compõe um Fundo de Investimentos gerenciado pelo banco ou corretora.

Portanto, a Previdência Privada é uma ótima maneira de pensar no seu futuro com uma gestão qualificada, de acordo com o seu perfil. Além disso, ela irá compor a carteira do fundo de previdência com uma boa diversificação.

Assim, ao investir em uma Previdência Privada, você pode se expor a vários tipos de ativos de acordo com o seu perfil que reflita no fundo escolhido. Por exemplo:

  • títulos do Tesouro Direto;
  • CDBs;
  • LCIs e LCAs;
  • ações;
  • Fundos Multimercados.

Além disso, é possível buscar por um Fundo que seja o mais adequado possível para o seu perfil de investidor. Assim, você investe apenas no que se sente confortável.

Preservação de capital

Uma das características básicas de uma Previdência Privada é que ela é uma aplicação de longo prazo.

Uma das características básicas de uma previdência privada é que ela é uma aplicação de longo prazo, voltada para a garantia de um futuro mais tranquilo. Por isso, o ideal é que seja um valor que você não precise no curto prazo e que permaneça contribuindo mensalmente para acumular um montante que cubra a sua perspectiva de gastos no futuro.

Complemento de renda na aposentadoria

Com a Reforma da Previdência aprovada em 2019, o teto do benefício que os trabalhadores recebem é de R$6.101,06. Para quem ganha mais do que isso hoje, a aposentadoria pode representar uma queda na qualidade de vida.

Já para outros, por conta da mudança no cálculo desse valor, o teto pode nem mesmo ser atingido.

Em ambos os casos, portanto, a Previdência Privada representa um complemento de renda bem-vindo. Com ela, será possível manter o padrão de vida e ter uma aposentadoria mais tranquila.

VGBL x PGBL: diferenças

Agora que você já viu as vantagens da Previdência Privada, com certeza está com vontade de aplicar em uma. No entanto, precisará escolher entre as duas modalidades que existem: VGBL x PGBL.

Afinal, quais são as diferenças entre essas siglas? É o que veremos a seguir!

VGBL

O Vida Gerador de Benefício Livre (VGBL) é uma modalidade de Previdência Privada caracterizada pela tributação apenas sobre o ganho de capital. Ou seja: você só pagará imposto sobre o valor de rendimento, não sobre o total investido.

Em compensação, você não poderá deduzir os pagamentos feitos ao plano na sua declaração anual de Imposto de Renda.

Por disso, é a modalidade mais indicada para quem faz a declaração simplificada (ou é isento de IR), já que ela tem desconto padrão de 20%.

PGBL

O Plano Gerador de Benefício Livre (PGBL), por sua vez, permite abater da base de cálculo do Imposto de Renda até 12% da sua renda bruta tributável. No entanto, a incidência de Imposto de Renda no momento de resgate é sobre todo o capital disponível, incluindo rendimento e o que foi aplicado.

Além disso, o investidor só conta com o beneficio de abatimento do IR se permanecer com as contribuições para a Previdência  Social via INSS.

Como escolher a Previdência ideal para você

Chegou a hora de saber como escolher entre Previdência VGBL x PGBL. Qual é a melhor alternativa para você?

PGBL — Plano Gerador de Benefício Livre

Normalmente, o PGBL é uma melhor modalidade para:

  • quem usa o formulário completo na declaração do IR;
  • pode investir um valor que não exceda 12% da renda.

Isso porque o desconto de 12% no Imposto de Renda representa uma oportunidade de valorização de capital. Assim, todo dinheiro economizado no imposto de renda durante as declarações pode ser revertido em aplicações que, com o tempo, gerará uma rentabilidade por juros compostos.

VGBL —Vida Gerador de Benefício Livre

Já o VGBL é mais indicado para outros casos. São eles:

  • quem não tem renda declarada;
  • quem usa o formulário simplificado do IR;
  • quem pode investir valores excedentes a 12% da renda. Ou seja se você investe 14% da sua renda e conta com a declaração completa, 12% será PGBL e o restante VGBL.

Além dessas características, é importante pensar na tributação na hora do resgate. Existem duas maneiras de fazer isso: pela tabela progressiva ou pela regressiva.

Como funciona a tabela progressiva?

A tabela progressiva garante impostos maiores com base no rendimento obtido. Ela funciona assim:

  • até R$1.903,98 de rendimento — isento;
  • de R$1.903,99 a R$2.826,65 — 7,5% de alíquota;
  • de R$2.826,66 a R$3.751,05 — 15% de alíquota;
  • de R$3.751,06 a R$4.664,68 — 22,5% de alíquota;
  • mais de R$4.664,68 — 27,5% de alíquota.

Vale lembrar que essas faixas dobram de valor se a pessoa resgatar a Previdência depois dos 65 anos. Isso faz com que compense esperar mais para resgatar os seus ganhos.

Como funciona a tabela regressiva?

Já a tabela regressiva diminui o imposto pago com base no tempo de aplicação. As alíquotas são as seguintes:

  • até 2 anos — 35%;
  • de 2 a 4 anos — 30%;
  • de 4 a 6 anos — 25%;
  • de 6 a 8 anos — 20%;
  • de 8 a 10 anos — 15%;
  • mais de 10 anos — 10%.

Assim, é importante avaliar o prazo total da sua aplicação para decidir qual é a melhor forma de resgate. Além disso, faça as contas para ver qual modalidade oferece as menores taxas de imposto.

Com tudo isso em consideração, ficará mais fácil escolher entre VGBL x PGBL na hora de abrir uma Previdência Privada. No entanto, lembre-se de que não é possível fazer uma troca entre PGBL e VGBL. Só é possível trocar de progressiva para regressiva.

Gostou do nosso conteúdo e quer aprender mais sobre como se preparar para a sua aposentadoria? Então, assine a nossa newsletter gratuita agora mesmo!

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert

Invista com a gente!

É prático, rápido, seguro e não tem custo. Você pode acessar sua conta de onde quiser e ainda ter vantagens exclusivas.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.