Circuit Breaker: como esse mecanismo impacta o mercado?

Powered by Rock Convert

Diversas notícias podem influenciar o comportamento dos investidores em relação a um ativo em específico. Nesses últimos dias, o Ibovespa acionou o chamado circuit breaker, um termo “importado” do setor elétrico para o mercado financeiro. Você sabe o que ele significa?

Recentemente, o acionamento ocorre no contexto da crise provocada pelo novo coronavírus e pela queda nos preços do petróleo.

Essa não é a primeira vez que ocorre um circuit breaker. Entenda o que, de fato, essa ferramenta impacta o mercado, em especial para quem investe no mercado de ações. Continue a leitura e entenda!

O que é circuit breaker?

Em resumo, esse é um mecanismo de segurança da Bolsa de Valores para interromper a sessão quando ocorrem oscilações muito bruscas e atípicas no mercado acionário.

Toda vez que isso acontece, o mecanismo é acionado para rebalancear as ordens de compra e venda dos investidores. Isso protege o mercado da volatilidade, uma variável econômica que representa a intensidade e a frequência em que ocorrem as movimentações do valor de um determinado ativo, dentro de um período de tempo.

Portanto, essa é uma medida para proteger o investidor e o próprio mercado de ações. Isso evita com que os efeitos de um acontecimento repentino (como o coronavírus) prejudique os investimentos realizados na Bolsa.

Como o circuit breaker funciona?

Essa interrupção das atividades da Bolsa ocorre em três situações. Veja o que cada uma representa.

Queda de 10% em relação ao dia anterior

Na prática, se o Ibovespa atingir o limite de baixa de 10% em relação ao dia anterior, os negócios serão interrompidos por meia hora.

Queda de 15% em relação ao dia anterior

Um segundo circuit breaker pode ocorrer por mais 1 hora se, reaberto o pregão, ocorrer uma oscilação negativa de até 15%.

Queda de 20% em relação ao dia anterior

Por fim, após uma nova retomada, se ocorrer uma queda de 20%, os negócios são suspensos por um prazo a ser definido pela Bolsa. Ou seja, as negociações são interrompidas por tempo indeterminado.

Duas outras situações

Essas regras valem para todas as operações da Bolsa de Valores, porém, existem outras duas situações que merecem atenção. São elas:

  • as regras do circuit breaker não são aplicadas nos últimos 30 minutos de funcionamento do pregão;
  • se ocorrer um circuit breaker na última hora do pregão, no outro dia, será possível realizar apenas uma nova paralisação de 30 minutos no momento da reabertura do mercado.

A orientação de nossos especialistas

Agora que explicamos o que é circuit breaker , é possível que você se pergunte: o que fazer em situações como essa?

Pois bem. Segundo nossos especialistas, é preciso manter a calma e não tomar nenhuma atitude precipitada, especialmente aqueles que têm posição em ações.

Nesse sentido, a compra e a venda de ações devem ser feita com cautela, respeitando o perfil de investidor e a diversificação da carteira.

Por isso, conte com os nossos especialistas para tirar dúvidas e auxiliá-lo a tomar decisões com segurança. Tem alguma dúvida? Utilize o campo dos comentários!

Invista com a gente!

É prático, rápido, seguro e não tem custo. Você pode acessar sua conta de onde quiser e ainda ter vantagens exclusivas.

ABRA SUA CONTA
Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.