Qual a diferença entre LCI e LCA? 7 pontos que você deve conhecer!

Muitos investidores iniciantes se perguntam qual é a diferença entre LCI e LCA. Como esses dois termos são muitas vezes mencionados juntos, pode parecer que se tratam de uma coisa só. No entanto, apesar das semelhanças, dá para citar pelo menos mais de uma diferença entre LCI e LCA. Por isso, é necessário que o investidor saiba sobre essas distinções antes de aplicar seu dinheiro.

Neste artigo vamos conhecer quais as características das LCIs e das LCAs. Para isso, vamos primeiro entender como cada produto funciona, quais as suas vantagens e para qual perfil de investidor é mais indicado. Quer aprender mais sobre a diferença entre LCA e LCI? Então, continue com a leitura!

O que significa LCI e LCA?

Para entender exatamente qual é a diferença de LCI para LCA, precisamos primeiramente definir esses dois investimentos. Ambos são Letras de Crédito, mas a primeira é focada no setor imobiliário, enquanto a segunda é do Agronegócio. Na prática, o funcionamento delas é bem parecido. Ambas:

  • são de Renda Fixa;
  • têm rendimento que pode ser prefixado ou pós-fixado;
  • contam com rendimento pós-fixado atrelado ao CDI ou ao IPCA;
  • têm garantia do FGC;
  • são isentas de Imposto de Renda.

Quais as vantagens e desvantagens da LCI e LCA?

Dentre as vantagens desses ativos para á saúde financeira de um investidor, podemos destacar que tanto as LCI como as LCA são classificados como renda fixa. Isso significa que tais ativos possuem uma segurança maior em relação a outros produtos de renda variável.

Outra grande vantagem é a não incidência do imposto de renda. No entanto, tais ativos precisam ser descritos obrigatoriamente na declaração do imposto de renda. Esse registo deve ser feito na seção que trata sobre os “bens e direitos” que o indivíduo tem em sua posse. Da mesma forma, os rendimentos dessas aplicações do ano anterior também precisam ser descritas na seção “rendimentos isentos e não tributáveis” da declaração.

A garantia disponibilizada pelo FGC – Fundo Garantidor de Crédito, também torna as LCI e LCA muito atrativas. Essa proteção garante ao investidor a proteção do seu capital até o valor máximo de R$ 250 mil reais por CPF, caso a instituição emissora encontre dificuldade em honrar os seus compromissos com os investidores.

Uma forma importante de avaliar o risco das emissoras é verificar o seu rating. O rating nada mais é do que uma nota de avaliação que as principais agências de monitoramento atribuem aos participantes do mercado. Dessa forma, quanto maior a nota mais segura é a instituição e vice e versa.

Como desvantagem podemos citar a baixa liquidez. Assim, o processo de conversão dos recursos aportados em LCI e LCA de volta para moeda corrente, não é algo rápido. Isso significa que esse tipo de produto não é o mais indicado para investidores interessados em montar uma reserva de emergência.

Afinal, o intuito dessas reservas é fazer frente às situações de risco ou crise pessoal – como acidentes ou problemas médicos por exemplo – sendo necessário então, que os recursos estejam imediatamente disponíveis conforme surjam as necessidades.

Quais os 7 pontos que diferenciam LCI e LCA?

Selecionamos 7 pontos a se ter atenção antes de investir em uma LCI e/ou em uma LCA. Além disso, usamos alguns dos fatores para comparar essas aplicações com outras de Renda Fixa. Se você tem interesse em investir nelas, precisa ter esses elementos em consideração. Confira!

1 – Propósito

Se você quer saber qual é a diferença entre LC, LCI e LCA, é só olhar para o propósito de cada um dos termos. As letras são emitidas por bancos com base em empréstimos feitos para o setor Imobiliário (LCI) ou do Agronegócio (LCA). Já a LC (Letra de Crédito) serve para financiar outros tipos de empréstimos.

2 – Destinatário

Como as aplicações são direcionadas para setores diferentes, os seus destinatários também são distintos. No caso da LCI, quem recebe o dinheiro do empréstimo são construtoras, incorporadoras e financiamentos imobiliários. Já no caso da LCA, o dinheiro vai para produtores rurais de pequeno, médio ou grande porte, além de cooperativas.

3 – Disponibilidade

A disponibilidade de LCIs ou LCAs nas emissoras varia muito. Normalmente, quando o mercado está favorável para investimentos imobiliários, há mais LCIs. Quando ele está pouco aquecido, há menos. Algo semelhante acontece com a LCA. Em época de expansão da atividade agrícola, há mais letras disponíveis. No entanto, os períodos de maior oferta das letras não necessariamente coincidem.

4 – Rendimento

A rentabilidade da LCI ou da LCA pode ser pré fixada, pós-fixada ou híbrida. No caso da primeira hipótese, a porcentagem de ganho é definida no momento da aplicação. Na segunda, ela é atrelada a um indexador financeiro. Já a última é um misto dos dois: tem uma porcentagem fixa + o indexador.

5 – Liquidez

Como vimos, as LCI e LCA são produtos que não possuem uma alta liquidez. Por isso, é importante montar um colchão de liquidez para aplicar nesses produtos com maior tranquilidade e aproveitar a sua rentabilidade.

6 – Risco

Como contam com garantia do FGC, o risco de investir nessa modalidade é menor – desde que dentro dos limites de cobertura. Tanto a LCI, quanto a LCA, contam com a proteção. Além disso, são títulos de Renda Fixa (que são mais conservadores por natureza) e você conta com a avaliação do emissor para escolher o título com menor risco de crédito.

7 – Tributação

A grande diferença entre LCI, LCA e CDB é na tributação. As letras de crédito são isentas de Imposto de Renda, enquanto o CDB é cobrado regressivamente. Ou seja: quanto mais tempo aplicado, menor é a alíquota.

Conhecer a diferença entre LCI e LCA é apenas uma parte de aplicar seu dinheiro de maneira segura. É necessário também escolher uma boa corretora de valores.

Como começar a investir em LCI e LCA?

Até aqui, já é possível formar uma bagagem sólida sobre as caraterísticas mais importantes das LCI e LCA. Porém, antes de começar a realizar os primeiros aportes nesse ativo é preciso colher informações para decidir se esta é a decisão mais acertada para o seu perfil.

Construir um plano de investimento deve ser a prioridade de qualquer investidor, pois de nada adianta contar com inúmeros ativos em sua carteira, que não contribuam para a realização dos seus objetivos.

Portanto, faça primeiramente o seu teste de API (Análise do Perfil do Investidor), para descobrir exatamente qual é o seu perfil. Esse teste funciona como um questionário simples, que é disponibilizado nos sites de praticamente todas as instituições financeiras do mercado.

As questões presentes no teste basicamente buscam sondar os seus interesses e a sua aversão ao risco, classificando-o em um dos 3 perfis fundamentais: o perfil consevador, moderado e agressivo (arrojado).

A grande vantagem da definição do seu perfil de investidor é a possibilidade de estabelecer parâmetros para a composição da sua carteira de investimentos e o seu gerenciamento de risco.

Dessa forma, os perfis mais conservadores vão dedicar a maior parte dos seus recursos para os ativos de renda fixa. Já os investidores mais moderados ou arrojados, não se incomodam em buscar maiores retornos (e assumir maiores riscos) direcionando uma fatia maior da sua carteira para os produtos de renda variável.Antes de começar a investir também é necessário se atentar para a diversificação da sua carteira. Afinal, como vimos, as LCIs e LCAs apresentam certos riscos.

Por mais seguros que tais ativos sejam, você não deve concentrar o “capital de uma vida” apenas nesses produtos, pois o imponderável pode acabar causando problemas. Por fim, ainda que esses produtos sejam de fácil operação, algumas pessoas podem não se sentir seguras, talvez por nunca terem investido antes.

Sendo assim, o ideal a se fazer é contar com o apoio de uma assessoria financeira especializada, capaz de fornecer a melhor orientação sobre investimentos, alinhados às suas necessidades e objetivos. Siga esses passos antes de desembolsar recursos e você terá sucesso em suas aplicações em LCI e LCA.

Agora que você já sabe a diferença entre LCI e LCA e quer contar com flexibilidade e taxa zero para investir nessas modalidades, venha para a Ativa Investimentos! Abra sua conta ou entre em contato com o nosso time de atendimento.

Tudo sobre Renda Fixa

Invista com Ativa!

É prático, rápido, seguro e não tem custo. Você pode acessar sua conta de onde quiser e ainda ter vantagens exclusivas.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.