Como comprar ações? Aprenda a enviar uma ordem no Home Broker

Quer saber como comprar ações e começar a investir na Bolsa de Valores (B3)? Primeiro, você precisa contar com a ajuda de uma corretora de valores. Ela é o meio pelo qual é possível ter acesso aos investimentos disponíveis. A corretora, nesse caso, funciona como um “supermercado”, com várias alternativas.

O sistema que o investidor utiliza para fazer todo esse processo é chamado de Home Broker. Por meio dessa plataforma, os usuários conseguem negociar ações e outros ativos financeiros de qualquer lugar do mundo. No Home Broker da Ativa Investimentos, por exemplo, você pode investir em ações e outros ativos pela internet.

Neste conteúdo, você descobrirá quais são as vantagens de investir em ações, qual é o valor mínimo recomendado para começar a fazê-lo, quais são os passos necessários para que você compre uma ação no Home Broker e muito mais. Boa leitura.

O que são ações?

As ações são títulos correspondentes a uma fração do valor das empresas ou sociedades anônimas. Ao investir nesses ativos, você se torna sócio da companhia e passa a ter alguns direitos e deveres. Existem, basicamente, dois tipos de ações:

  • ordinárias (ON): os investidores têm o direito de voto;
  • preferenciais (PN): os investidores não têm o direito de voto.

Por que investir em ações?

Antes de investir em ações, é importante que você saiba por que deve fazer esse investimento. Afinal, não adianta adquirir esse tipo de ativo se as suas vantagens não contribuem para o alcance dos seus objetivos financeiros.

Para isso, você precisa entender qual é o seu perfil de investidor e definir os seus objetivos. Em seguida, deve compará-los aos benefícios das ações. Dessa forma, é possível saber se é interessante ter esse tipo de investimento na sua carteira.

A seguir, apresentamos algumas das suas principais vantagens.

Liquidez

A liquidez se refere à facilidade de transformar um ativo em dinheiro, ou seja, de vendê-lo. As ações são alguns dos investimentos mais fáceis de comprar e vender por meio das negociações realizadas na Bolsa de Valores.

Ao contrário dos investimentos imobiliários, por exemplo, que têm baixa liquidez. Isso acontece porque a compra e venda de imóveis envolve grande burocracia, além de exigir um montante de recursos mais elevado.

Portanto, ao investir por meio do Home Broker, você encontrará compradores e vendedores mais facilmente para suas ações. Além disso, a negociação levará poucos segundos e apenas alguns cliques.

Possibilidade de grandes rendimentos 

Assim como a volatilidade (maior variação de preços) pode trazer incertezas para muitos investidores, essa característica também pode proporcionar grandes rendimentos. Por exemplo, você pode encontrar uma empresa de um ramo promissor, adquirir suas ações e lucrar com a sua valorização.

Também é possível conseguir ganhos com dividendos, que são parcelas dos ganhos distribuídos aos acionistas. Quando você reinveste esse valor, serão aplicados juros compostos e você conseguirá bons ganhos a longo prazo.

Versatilidade

Você pode elaborar diferentes estratégias de investimentos com ações. Por exemplo, é possível criar uma carteira focada na aposentadoria por meio da realização de aportes periódicos em empresas com bons dividendos. Além disso, você pode assumir maiores riscos e procurar por small caps promissoras.

Tenha em mente que a diversificação da carteira é uma das principais estratégias para evitar perdas e riscos. O mercado de ações é bastante versátil e, por isso mesmo, é possível balancear os investimentos e potencializar as chances de ter resultados mais positivos.

Quais são as boas práticas antes de começar a investir no mercado de ações?

Antes de tudo, é preciso ter em mente que todo tipo de investimento tem seus riscos. Por isso, o investidor que deseja ter sucesso precisa estudar constantemente sobre o mercado de ações e contar com auxílio especializado de uma corretora de qualidade.

Uma dica fundamental, nesse sentido, é conhecer bem o seu perfil e definir objetivos no momento de escolher as modalidades de investimento. A indicação, portanto, é iniciar com o que você já tem e não esperar ter muito dinheiro para começar a aplicar.

Veja, a seguir, outros exemplos de boas práticas essenciais antes de ingressar no mercado de ações.

Entender o perfil do investidor

O primeiro passo é conhecer o seu perfil de investidor. Conhecendo o seu perfil de investidor, fica mais simples escolher por uma alternativa alinhada aos seus objetivos. Atualmente, há três tipos principais de perfis: conservador, moderado e agressivo.

  • conservador: ideal para quem busca mais segurança e prefere investir em modalidades com baixo risco;
  • moderado: gosta de segurança, mas está aberto à possibilidade de investir em ações com um pouco mais de risco;
  • agressivo: é o perfil que não tem medo de arriscar e busca ter rentabilidade maior, mesmo que isso signifique correr grandes riscos.

Definir os objetivos financeiros

O segundo passo é organizar as suas finanças e definir os seus objetivos financeiros. Uma boa ideia é separar seus objetivos em curto, médio e longo prazo, justamente para ter um planejamento mais equilibrado do que fazer com o seu dinheiro

Isso é fundamental, sobretudo para quem está começando a investir e pretende ter retornos positivos. São exatamente os objetivos que vão motivar e guiar o investidor para fazer as aplicações mais adequadas para o seu futuro.

Estudar o mercado de ações

Estudar o mercado de ações é uma prática indispensável para quem deseja ter sucesso no mundo dos investimentos. Você precisará se dedicar e adquirir conhecimentos sobre o mercado financeiro, sobre os produtos e ações disponíveis e, ainda, sobre o atual cenário econômico e político. 

Muitas vezes, não basta apenas acompanhar sites de notícias, é preciso ir além e pesquisar por publicações, livros e materiais especializados sobre o assunto. Isso porque o mercado está a todo momento se transformando e exige busca constante por informações. Essa é, sem dúvidas, uma estratégia para garantir mais segurança e rentabilidade no momento de investir.

Ter uma reserva de emergência

A reserva de emergência é importante em momentos de eventuais necessidades, apertos e imprevistos. A recomendação é contar com uma quantia suficiente para passar três meses de despesas mensais. Esse valor ainda pode ser aplicado em produtos com liquidez. 

Isso dá a possibilidade de sacar parte do montante guardado a qualquer momento, caso algum problema ocorra. É importante priorizar a reserva de emergência até mesmo para evitar ter que tirar parte de seus investimentos e, com isso, comprometer como um todo a rentabilidade de suas ações.

Quais são os meios para comprar ações?

Existem, basicamente, quatro formas de comprar ações na B3. Acompanhe a seguir.

Fundos de Investimento

Os Fundos de Investimento reúnem recursos de vários investidores para serem aplicados de forma conjunta no mercado de ações. Dessa forma, ao comprar a cota de um fundo, você concede permissão para que o gestor escolha os aportes que ofereçam mais rentabilidade.

Clubes de Investimento

Os Clubes de Investimento se assemelham aos Fundos. No entanto, são compostos por grupos de pessoas conhecidas, como amigos e familiares, e não por investidores aleatórios. Nesse tipo de aplicação, alguém deve ser responsável por fazer o gerenciamento dos recursos e realizar os aportes.

Mercado tradicional

Esse mercado corresponde às operações de compra e venda realizadas na Bolsa de Valores. Para investir, você só precisa abrir a conta em uma corretora, como a Ativa Investimentos, acessar o Home Broker e realizar as suas transações.

ETFs

Os ETFs (Exchange Traded Fund) são fundos de índices. Essa modalidade é uma boa alternativa para quem quer diversificar a sua carteira. Além disso, eles têm um custo menor e oferecerem a possibilidade de ter mais rentabilidade.

Quais estratégias adotar ao investir em ações?

Existem algumas estratégias que você pode adotar ao investir em ações. Para escolher a ideal, você deve definir quais são os seus objetivos. Algumas das principais são:

  • buy and hold: é utilizada por quem compra as ações de boas empresas e a mantém no longo prazo, com o objetivo ganhar com a sua valorização;
  • day trade: é usada por investidores que compram e vendem ações no mesmo dia;
  • swing trade: é utilizada por quem compra a ação e permanece com o ativo na carteira durante alguns dias, esperando a sua valorização.

Qual o valor mínimo para começar a investir em ações?

Diferentemente do que muitos acreditam, não é preciso ter um montante muito elevado de capital para adquirir ações. Isso porque é possível adquirir esses ativos com poucas dezenas ou centenas de reais, dependendo da empresa.

Entretanto, não basta investir somente uma vez. É importante que você destine periodicamente uma parcela dos seus ganhos para as ações. Assim, você aumenta as chances de multiplicar o seu investimento.

Outra questão relevante consiste na necessidade de dedicar tempo para acompanhar as empresas. Independentemente de buscar dividendos ou valorização, leia seus relatórios, notícias sobre a empresa e os segmentos, entre outras informações.

Quais passos devem ser adotados para comprar uma ação no Home Broker?

Antes de começar a investir em ações é importante que você tenha um plano de investimento. Após essa etapa, você pode adotar alguns passos para montar a sua carteira. Acompanhe a seguir.

Passo n.º 1: abra sua conta

Para reservar uma Oferta Pública Inicial, primeiramente é preciso abrir uma conta na Ativa Investimentos. Se você ainda não é cliente, clique aqui e abra a sua conta gratuitamente. É rápido, prático e totalmente digital.

Passo n.º 2: acesse o Home Broker

Já logado no sistema, você precisa clicar em Home Broker no canto superior e, em seguida, clicar no botão AVANÇAR.

Passo n.º 3: compre uma ação

O primeiro passo no Home Broker para comprar uma ação é ir na janela de ORDEM. Em seguida, clicar na aba ORDEM, como no exemplo abaixo.

Nessa janela, você deve preencher o código da ação que deseja comprar no campo “papel”. Ex: PETR4 (código relativo à empresa Petrobras).

Após preencher o campo “papel”, é necessário inserir a quantidade de ações que você deseja comprar. É importante lembrar que as ações são negociadas em lotes de 100 quantidades — ou seja, a quantidade deve ser preenchida sempre respeitando o lote padrão (100, 200, 300, e por aí vai).

Ainda assim, o investidor tem a escolha de comprar um lote fracionário, que é aquele que tem menos de 100 quantidades. A única diferença é que, no campo papel, ele vai precisar adicionar um “F” ao final do código da ação como PETR4F, por exemplo.

Em seguida, você deve informar qual é o tipo de ordem que deseja emitir. Veja as principais a seguir.

Ordem a mercado

O valor que você deve pagar depende do preço que a ação está sendo negociada em bolsa, como no exemplo de PETR4 abaixo:

  • preço negociado no momento: R$30,63;
  • lote padrão: 100 quantidades;
  • valor de negociação no momento (R$ 30,63) X lote padrão (100 quantidades) = R$3.063,00.

Ordem pré-definida

Além disso, o investidor pode determinar um preço previamente caso deseje. Porém, não há garantias de que a ordem será executada. Além disso, é importante lembrar que nesse cálculo deve ser incluído os custos de corretagem.

Após escolher o papel e a quantidade, basta clicar em COMPRAR e preencher a sua assinatura digital.

Passo n.º 4: acompanhe a ordem

Após o processo anterior, a ordem de compra ou venda vai aparecer em outra janela do Home Broker chamada “Acompanhamento de ordens”. No status da ordem, você consegue verificar a situação da sua ordem de compra ou venda.

Quando o status aparece como “executada”, significa que a compra ou venda foi concluída com sucesso. Já quando ela está “em aberto”, significa que a compra ou venda ainda não foi executada.

É importante destacar que empresas que têm muita negociação na Bolsa costumam ter suas ordens executadas rapidamente. Por isso, se a sua ordem demorar a ser executada, não se preocupe. Em dois dias, a aplicação já vai constar em sua posição consolidada, ou seja, entre os seus investimentos no site da Ativa Investimentos e no Home Broker.

Com esse passo a passo você consegue comprar uma ação com facilidade. Caso você se sinta mais seguro em fazer esse procedimento com o acompanhamento de um especialista, é só entrar em contato com a nossa equipe pelos canais de atendimento.

Quais são as taxas cobradas?

As taxas cobradas para a compra de ações variam de acordo com a corretora que você pretende investir. Existem algumas que oferecem taxa zero para as transações realizadas. Por isso, é importante que você pesquise para escolher a melhor opção para realizar as suas operações.

Quais os riscos envolvidos?

As ações são investimentos de Renda Variável. Por isso, você não tem previsibilidade nem segurança em relação aos seus ganhos. Porém, os retornos podem ser maiores, caso você escolha bons ativos para ter na sua carteira. Alguns riscos envolvidos nessas transações são:

  • risco de mercado: ocorre quando o preço da ação é alterado em decorrência de variáveis que estão fora do controle da empresa, como a divulgação de dados macroeconômicos;
  • risco da empresa: acontece quando a companhia não tem bons resultados nos seus indicadores, por isso, é essencial avaliar a saúde financeira da companhia antes de aportar recursos;
  • risco dos juros: ocorre quando os juros influenciam o preço das ações. Em geral, quando as taxas sobem, os investimentos em Renda Fixa se tornam mais atrativos, influenciando no preço das ações.

Uma estratégia comumente utilizada pelos investidores é ter ações de empresas já consolidadas no mercado. Isso porque muitas dessas companhias vivenciaram momentos de grande instabilidade e continuaram as suas operações, o que confere um maior grau de segurança nesse investimento.

Como o preço das ações é determinado pela lei da oferta e demanda do mercado, diversos fatores podem influenciá-lo, como a conjuntura política e econômica do país, que podem ser responsáveis pelo bom desempenho ou pelas quedas da Bolsa. Dessa forma, é importante que você esteja atento às mudanças observadas para saber se é o momento de comprar ou vender determinado ativo.

Por que contar com a Ativa Investimentos?

A Ativa Investimentos é uma corretora e plataforma aberta de investimentos, independente e com mais de 35 anos de experiência. É formada por uma equipe técnica altamente qualificada, que trabalha com responsabilidade e transparência. Além disso, tem rigorosos padrões de governança e compliance — preza pela ética, moral e regularização perante a lei.

Por isso, ao investir na Ativa, você tem acesso a todos os serviços necessários para maximizar as suas chances de sucesso. Afinal, a empresa disponibiliza os recursos ideais para pessoas com diferentes objetivos. Alguns tipos de investimento disponíveis são:

  • Fundos de Investimento ou Fundos Imobiliários;
  • Títulos Públicos;
  • Previdência Privada;
  • Clubes de Investimento.

Além disso, fornece acesso à Bolsa de Valores e diferentes recursos para negociar ações como:

  • Home Broker;
  • Mesa de Operações;
  • A-Trader;
  • plataformas profissionais.

Com isso, é fácil compreender que a Ativa é uma organização completa que disponibiliza muitas outras funcionalidades, como cursos, relatórios, cotações, salas ao vivo etc. Tudo isso com taxa zero para diversos atos na plataforma.

Depois de entender como comprar ações, é possível perceber a facilidade de entrar nesse mercado. Porém, é crucial que você tenha uma corretora que ofereça um bom Home Broker e serviços auxiliares. Com isso, você tem o suporte necessário para identificar os investimentos mais adequados para ter na sua carteira e, assim, atingir seus objetivos.

Gostou do conteúdo? Aproveite a visita e entre em contato agora mesmo com a equipe da Ativa Investimentos para entender como podemos ajudar você a diversificar a sua carteira e alcançar melhor rentabilidade no mercado de ações.

Receba conteúdos exclusivos no seu e-mail

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.